15 março de 2019
Conferência incentiva a aplicação da Teoria Construtal na Engenharia
 

Com o objetivo de promover a discussão, estimular a difusão e incentivar a aplicação da Teoria Construtal à Engenharia, a Unisinos, em parceria com empresas promoveu entre os dias 11 e 13 de março a Constructal Law & Second Law Conference, Conferência Internacional sobre Teoria Construtal aplicada à Segunda Lei da Termodinâmica. A conferência explora o poder unificador da Lei Construtal e suas aplicações em todo os domínios da geração do design e evolução, desde a biologia e geofísica até a organização social, sustentabilidade da energia e segurança. Além disso, abrange a Segunda Lei da Termodinâmica e como a Lei Construtal se insere na Termodinâmica. A Lei Construtal e a Segunda Lei são independentes como primeiros princípios. Juntas, elas empoderam a ciência muito mais do que a Segunda Lei sozinha.

A SKA esteve presente nos três dias de evento, com um estande  e também levando conhecimento na área através de mini curso. Entre eles, do Engenheiro da SKA, José Filipe Trilha de Carvalho, que levou para a Conferência o tema “Soluções de aplicações para engenharia em projeto de Fluidodinâmica Computacional utilizando SIMULIA XFLOW”. O público presente pode ver na prática como criar designs fluidos complexos usando ferramentas e técnicas computacionais. “Na verdade, em termos de inovação de produtos, as indústrias precisam de projetos eficientes, exigindo a complexa simulação do comportamento do mundo real de seus produtos sob condições extremas. O XFlow oferece tecnologia Lattice-Boltzmann baseada em partículas para aplicações de dinâmica de fluidos computacionais (CFD) de alta fidelidade como parte do portfólio de Simulação de Fluidos da SIMULIA”, explica o engenheiro. A tecnologia de ponta do XFlow permite que os usuários simulem fluxos de trabalho de CFD complexos envolvendo simulações transitórias de alta frequência com geometrias móveis reais, fluxos multifásicos complexos, fluxos de superfície livres e interações de estrutura de fluidos.

O evento contou ainda com a presença ilustre de Adrian Bejan, professor romeno-americano que fez contribuições para a termodinâmica moderna e desenvolveu a lei construtal.